sexta-feira, 28 de agosto de 2015

UNA - SUS

Vocês conhecem a Universidade Aberta do SUS (Sistema Único de Saúde)? 
Resumidamente, ele foi criando em 2010 para capacitar os profissionais de saúde que atuam no SUS através de um sistema composto por três elementos, 36 instituições de ensino superior, o Acervo de Recursos Educacionais em Saúde e a Plataforma Sérgio Arouca. Tem como objetivo principal a educação permanente, visando à resolução dos problemas do dia a dia. 
Os cursos são inteiramente grátis e com a modalidade de educação a distância. 

Por quê eu estou falando do UNA-SUS se sou apenas uma estudante de Saúde?
Então, apesar de terem criado o curso voltado para os profissionais de saúde, esses cinco anos que passaram acabaram surgindo novos cursos e o melhor, podendo ser acessado também por estudantes e por qualquer um que queira participar. Genial! Eu descobri através de um amiga, pois estava procurando cursos online para completar minha carga horária complementar. Foi então que eu fiz o curso Saúde das Populações do Campo, da Floresta e das Águas, oferecido pela Universidade Federal do Ceará (UFC), eu me apaixonei. Aprendi muito, li muito artigos incríveis, e vídeos muito bem elaborados tratando de assuntos importantíssimos para qualquer pessoa. Você se depara com realidades que precisam ser discutidas e o curso trás todos os métodos para que se possa ampliar e melhorar a saúde de cada campo que ele trabalha. E a carga horária foi de 45h. Eu mandei um e-mail que foi respondido no mesmo dia com muita simpatia tirando todas minhas dúvidas, recomendo. Ah, a forma de avaliação era durante os módulos e as respostas eram corrigidas na hora, e no final recebi meu certificado por e-mail. 
Hoje eu estou fazendo o curso Politica de Saúde LGBT ou Politica Nacional de Súde Integral LGBT, oferecido pela Universidade do Estado do Rio de Janeiro (UERJ) ainda estou na metade do curso, mas eu estou amando. Os artigos que li até agora e os documentários que assisti, apenas no primeiro módulo do curso, me trouxe informações importantíssimas e ampliou muito meu campo de visão. Esse curso também é liberado para qualquer pessoa que esteja interessada em fazer e também tem carga horária de 45h. A forma de avaliação desse curso é um pouco diferente do outro, esse tem os módulos apenas teóricos e ao final dos três você responde um questionário e totalizando 70% de acerto você recebe seu certificado. 

Enfim, achei que seria interessante compartilhar isso com vocês. Foi breve, mas vocês podem estar acessando o site UNA-SUS que lá tem tudo explicadinho e a lista de cursos ofertados, juntamente com o público alvo e a carga horária. O próximo da minha lista é sobre a Saúde da População Negra e eu já estou ansiosa para começar. 

EU ACREDITO NO SUS! 

Att, 
Maria Carolina 



Continue Reading...

terça-feira, 9 de junho de 2015

Documentários...

Olá galera, tudo bem?

Existem documentários os quais eu já assisti e que estou aqui indicando para vocês. Lembrando que nem sempre eu concordo com o que esta sendo falado ou defendido. Mas todos eles contribuíram apara meu processo de formação ideológica.


Menino Joel O Filme

SICKO - SOS Saude - Michael Moore completo

A revolução não será televisionada - O golpe na Venezuela

Meat The Truth - Uma verdade mais que inconveniente

A Grande Farsa do Aquecimento Global / The Great Global Warming Swindle

Por uma vida sem catracas, MPL | SP - Filme completo

Documentario - Milton Santos por uma outra globalização

Globalização Milton Santos - O mundo global visto do lado de cá

A Corporação (2003) - Versão completa - The Corporation

Josué de Castro - Cidadão do Mundo (Já li um livro também, sobre ele).

Simpósio Brasileiro de Doença Falciforme - Faça parar essa dor!

Luz Branca/Chuva Negra: A Destruição De Hiroshima E Nagazaki

Lixo Extraordinário - documentário completo

Revolta do Buzu - 2003


Esses foram o que eu já assisti. Já vi um de Leornado Da Vinci, mas eu tenho em DVD e não achei no youtube, e outro sobre Hitler que também foi em DVD.
Não existe uma ordem, coloquei aleatoriamente enquanto fui lembrando, pode ser que eu não tenha colocado algum também, por não lembrar mais.
Assistam e me digam o que achou sobre cada um deles e também me indiquem os que vocês já assistiram.


Carol Magalhães


Continue Reading...

sábado, 6 de junho de 2015

GREVE GERAL EM TODA FEDERAL!

Olá pessoal, não sei se ainda estão lendo meu blog, embora o número de visualizações cresça a cada dia. Tudo bem com vocês?

No dia 28 de Maio houve uma assembleia geral dos professores da UFBA (Universidade Federal da Bahia) para decidir se entraria ou não em greve. Eu estava lá desde o inicio, e foi um verdadeiro caos. O auditório que escolheram era muito pequeno e tinham muitos professores e estudantes querendo entrar e participar da assembléia. Começou a ficar muito apertado, quente e então os professores começaram a reclamar e dizer que não estava funcionando daquela maneira. E aí a pior parte aconteceu, estavam tentando tirar os alunos de dentro do auditório, sem força física, apenas pedindo para sair e dar lugar aos professores, mas não saímos. Tínhamos o direito de estar ali, a greve nos afeta e a luta também é nossa. Pregamos nossos pés e ali ficamos. Até que decidiram colocar a assembleia para fora do auditório. A assembleia foi quente, era professor contra professor, sindicato contra professor, professor contra sindicato. Fala aqui, fala de lá. Até que chegou o momento da votação, que foi por contraste. Cada professor recebia um cartão amarelo assim que chegava. E com mais de 200 votos a favor e mais de 80 votos contras (sem números exatos, porque não lembro) os professores declaram greve geral dos professores. 
Já no dia 1 de Junho houveram as assembleias dos estudantes de cada curso, então cada CA (Centro Acadêmico) e DA (Diretório Acadêmico) convocou suas assembleias e suas votações, discussões de pautas e tudo mais. No dia 2 de Junho houve uma assembleia geral dos estudantes que o DCE (Diretório Central dos Estudantes) com a atual gestão Mandacaru, convocou. E mais uma vez foi quente. Apesar de alguns cursos de engenharia não estarem lá, até a hora que eu fiquei apenas o de Engenharia Ambiental tinha se posicionado, havia uma grande massa de estudantes de diversos cursos da faculdade, algumas mobilizações históricas como a de Direito e de Medicina. Diversos representantes tiveram direito a 3min de fala e colocaram suas pautas discutidas no dia anterior e a decisão tomada. Como previsto, a maioria dos cursos estavam a favor da greve. Precisávamos de no minimo 1500 assinaturas para entregar a reitoria e tornar nossa greve legitima, e assim conseguimos.
Foi um assembleia histórica. A quantidade de estudantes presentes e que se disponibilizaram a estar lá, sentados no chão no meio da praça das artes da UFBA em Ondina foi realmente emocionante. Não pude ficar até o final, mas fiquei até pouco tempo antes de acabar e logo depois recebi a noticia de que os estudantes deflagraram greve geral dos estudantes.

A pauta mais discutida foi realmente esse corte de verba de 9 bilhões que infelizmente houve em nossa educação. E a partir disso diversas problemáticas que já aconteciam e que se agravaram e outras que surgiram a partir desse corte. Existem muitos alunos que ainda são contra a greve e professores também. Mas é uma questão de olhar para o próximo e entender que precisamos dessa luta e que não podemos fechar os olhos e fingir que nada está acontecendo. Está faltando ficha no R.U. os alunos não estão recebendo bolsas, houve cortes de monitoria e PIBIC. Alunos não estão conseguindo moradia. Buzufba cada vez mais lotado e cada vez mais impossível de ser utilizado. A insegurança dos alunos dentro do campos. Não podemos nos calar perante a isso. 
Dança luta por falta da vigilância sanitária tendo inúmeros casos de Dengue, Zica e Chikungunya.
São Lazaro sofreu com falta de água de 15 dias, sem contar a demora dos Buzufbas e ainda a insegurança, principalmente daqueles que tem aulas ate 19h. 
Reforçar cada vez mais o pedido de RU (Restaurante Universitário, também conhecido como Bandejão em outros estados) em todos os Campus! 
Existem prédios inacabados, bibliotecas praticamente prontas mas não são abertas. 
Estudantes e professores contra a PL da terceirização (Projeto de Lei 4330/2004. Projeto de Lei da Câmara (PCL) 30/2015, você pesquisando por esses termos poderá entender melhor do que se trata.) 
Atenção aos hospitais universitários. 
Atenção aos prédios que estão jogados as traças. 
Enfim, são diversas e diversas pautas que caso seja interesse do leitor posso explanar mais. 



Uma ressalva muito importante: Que não seja uma greve para você ficar dormindo em casa, uma greve para você se aliviar dos deveres como estudante. Mas que seja uma greve para você se sensibilizar pelas lutas, que seja uma greve pra você participar das mobilizações, das discussões. Que seja uma greve para trazer mudanças, e a mudança a gente só pode conseguir UNIDOS. Porque a massa faz a luta, a massa! 









Pagina do face onde pode acompanhar a situação da greve da UFBA, fique atento a ela. Serão postadas as próximas assembleias e mobilizações.











Assembleia geral dos estudantes 






Assembleia geral dos professores 

ps: Um "ps" que fala sobre a quantidade de pessoas. A assembleia dos professores não era segredo pra ninguém, havia diversos cartazes espalhados nos campus comunicando sobre ela, Alunos e professores cancelaram ou deixaram de ir a suas aulas, cancelaram compromissos para estarem ali discutindo sobre o futuro da nossa educação. Se você acha que havia poucos professores, vá perguntar para seu professor por que ele não estava lá. (Havia um estudante do meu lado que eu nem imagino nome ou de que curso é e etc, e ele estava dizendo que era um absurdo aquela assembleia, que 300 professores não podiam decidir por todos e que a maioria era contra a greve. Na minha opinião se você é contra greve bastava chegar lá e votar não, e se realmente fosse a maioria, a maioria teria ganhado, pois bem, se não participou não podemos fazer nada, a assembléia e nem a greve deixa de ser legitima por esse fato. Ele também se atreveu a dizer, quando estava havendo os votos a favor, que tinha estudantes com as cartas amarelas na mão (?), ninguém precisou falar nada, porque quando começaram a votar contra a greve e ele não disse nenhuma frase deslegitimando os votos, uma professora chegou pra ele e perguntou , por que não tinha estudantes votando naquele momento. Isso bastou para cala-lo.
A dos estudantes a mesma coisa, os cursos fizeram suas assembleias no dia anterior e houve uma boa comunicação sobre a organização da assembleia geral. Então mais uma vez, quem não estava lá é porque não queria estar. Eufaltei aula para poder participar, porque compreendo que é de suma importância a presença de todos. 
Enfim foi apenas um desabafo para certos comentários. 


Carol magalhães
Continue Reading...

quarta-feira, 25 de março de 2015

III SEVI-SUS mudou a minha vida!

Eu acho incrível como as melhores experiências da minha vida caem de paraquedas, eu soube da SEVI-SUS por e-mail e decidi que iria me inscrever, eu não imaginava o quão maravilhosa ela é, nem que teria carga horária descobri tudo isso na viagem. E retornando o post anterior, lembro que escrevi assim: 

 "É muito importante como estudante de saúde participar de todas as oportunidades que vão te tornar um profissional e um ser humano melhor, experiências são sempre bem vidas e eu tenho certeza que essa irá contribuir muito para meu conhecimento. Não há nada mais gratificante do que viver a universidade." 

Já no primeiro dia eu descobri que a SEVI era muito mais que isso, muito mais do que participar de todas as oportunidade, muito mais que experiências, muito mais do que contribuir para o conhecimento, mas é amor, carinho, companheirismo, luta, construção, é uma contribuição para a vida e sua forma de viver. Em todos os depoimentos que você ouvir uma frase não vai faltar "A SEVI MUDA VIDA, MUDOU A MINHA VIDA". 

Vou utilizar o meu relatório para ilustrar como foi essa semana, é grande, mas vale a pena.

A SEVI-SUS me surpreendeu no momento da inscrição, pois não tinha ideia do que era, simplesmente senti que era algo a ser feito. Eu não tinha ideia para onde iríamos, o que iríamos fazer e muito menos se teria carga horária. Respondi a perguntas com muito medo, pois não me preparei para tal, fui verdadeira sobre o que eu pensava e tinha estudado sobre. Passar pra segunda fase estava só somando no quadro das surpresas, e no momento da mesma eu achei que não sairia viva, pois teria ali mesmo algum colapso nervoso. Poderia dizer que passar, para então viver a semana interdisciplinar, seria a surpresa suprema, porque no momento que eu passei foi. Mas a surpresa suprema mesmo foi à vivência como todo, que para mim já começou no momento da capacitação.
A capacitação foi algo que nos introduziu como seria essa semana, os textos, debates e a forma que foi conduzida, que, diga-se de passagem, muito bem organizada, nos mostrou a teoria da Semana de Vivências Interdisciplinar no SUS. No entanto, gestos simples dos monitores e até mesmo dos selecionados me deu uma prévia do que seria o “muito mais” que eu não esperava.
Domingo dia 22 de fevereiro, a viagem seguiu seu rumo ao que seria a mudança de caráter, pensamento e de vida de cada um presente. Chegando ao município de Teixeira de Freitas mesmo com todos muito saturados por conta da longa viagem, tivemos vai uma prévia do que teríamos a semana toda, e dessa vez foi uma música:

Alguém está batendo na portinha do seu coração (2x)
(Nome) você é muito especial para nós
Aqui quem fala é a SEVI
Que te ama
Assim...
Assim...
Assim...

Fomos muito bem recepcionados e bem alimentados, mostrando mais uma vez a alta capacidade dos construtores do FAS (Forúm Acadêmico de Saúde) e dos monitores ali presentes, deixando bem claro nos primeiros minutos que tudo foi arduamente trabalhado para sair da melhor maneira possível.
No primeiro dia, segunda-feira 23 de fevereiro, fomos visitar os PSF (Programa Saúde da Família), os ESF (Estratégia Saúde da Família) logo pela manhã. Lembrando que, fomos divididos em grupos onde tínhamos um monitor e quatro ou cinco estagiários.  Então seguindo essa lógica seguimos por toda semana. Voltando para a visita pela manhã, eu e meu grupo (e mais um que ficou para fazer as visitas com a gente) tivemos muita sorte em encontrar um PSF que apesar de algumas deficiências, funcionava da maneira que lhes cabiam e conhecemos aquela que logo no primeiro dia já marcou pra sempre nossa viagem e nossas vidas, a médica cubana Drª Dora. Podemos também entender os conceitos já estudados, ou seja, conseguimos ver na pratica toda a estratégia do NASF (Núcleo de Apoio à Saúde da Família). Na tarde do mesmo dia visitamos o CEO (Centro de Especialidades Odontológicas), onde tivemos a oportunidade de saber todo o processo de atendimento e até ver como se produzia uma prótese, algo muito enriquecedor.  Nessa mesma tarde fomos ao CEM (Centro de Especialidades Médicas), tivemos um diálogo muito rápido, e ouvimos como era o processo farmacêutico do mesmo. Ouvimos muitas contradições, principalmente na relação de referência e contra referência citado nos NASF, que nos disse que quando eles passavam à referência era muito difícil receberem a contra referência, dificultando o acompanhamento. Na noite tivemos discussões sobre as visitas e fizemos uma analogia com o que lemos sobre o SUS. E também tivemos a apresentação dos Núcleos de Base, os NB’s, que foi o que eu já citei lá em cima, grupos com um monitor. Cada um tinha que escolher um nome, escolhemos o de Zilda Arns e fizemos uma paródia da musica "Eu sou a diva que você quer copiar - Valesca Popozuda" 

Do povo quis cuidar

A saúde melhorar

Mas sofria preconceito

Quem foi que disse que mulher não tem direito?

Ela lutou pelos pobres, fundou a pastoral

Escuta o que eu vou te falar

Zilda é o modelo que devemos copiar 

 



Para acrescentar sobre a organização, os NB’s tinham funções todos os dias, então a alvorada (para acordar todo no horário certo), alimentação (para se certificar que todos façam suas refeições), a limpeza (para deixar os ambientes coletivos limpos) e a animação e disciplina (para deixar todos sempre animados, com gritos de guerras, musicas e etc. e se certificar sempre que estão todos dentro dos ônibus e coisas do tipo).
Na terça-feira dia 24 de fevereiro visitamos o Centro de Reabilitação Mãe Maria, local que, com certeza, despertou uma vontadezinha de ser Fisioterapeuta, conversamos com uma assistente social e com uma fisioterapeuta que nos explicou todo o funcionamento, e ao visitar pudemos ver alguns profissionais em prática, o local foi muito proveitoso e conseguimos perceber que estava funcionando, mas como todos, também tinha alguns problemas, como a falta de alguns profissionais. Logo depois fomos visitar o CTO (Centro de Tratamento Ortopédico) local que nos deixou um pouco tristes por conta do pouco espaço utilizado, apesar de ser um espaço grande, e da falta de estrutura. Logo depois voltamos ao alojamento para o almoço, lembrando que, todos os dias depois do café da manhã íamos para as visitas, voltávamos para o almoço e retornávamos logo após para outra visita. Fomos visitar pela tarde o Centro de Testagem e Aconselhamento, onde tivemos uma espécie de “aula” sobre como funcionavam gostamos muito da profissional que estava trabalhando a apenas dias lá, mostrando-se muito empenhada em melhorar o local. Na noite tivemos um debate sobre o financiamento e as intenções com o capitalismo, isso em grupos, e logo depois fizemos um “link” da visita com o nosso debate, isso já com todos juntos.
Mas a parte das visitas, logo cedo foi pedido para que a gente fizesse um peixinho de papel e cuidasse dele o dia todo e colocando um nome no mesmo, eu coloquei o nome do meu de solidariedade, porque eu estava ocupada na minha atividade do dia e não tive como fazer, então Sara fez pra mim, ato que me deixou muito feliz, na noite depois do nosso debate foi feito uma dinâmica revelando a função daquele peixinho, mostrando mais uma vez que sozinhos não podemos fazer muita coisa, mas junto com certeza podemos fazer muitas e muitas coisas.  
O CARDUME QUER REVOLUÇÃO!
Dia 25 de fevereiro, na quarta-feira visitamos o CAPS AD pela manhã e tivemos a maior aula de motivação de todas nossas vidas conhecemos profissionais tão empenhamos e apaixonados pelo o que fazem que todos nós saímos com uma sementinha plantada de luta. Foi explicado como tudo funcionava e a grande dificuldade que tinham para manter, e que se não fosse pela garra daqueles profissionais aquele lugar já teria “morrido”, mais uma vez foi salientada a falta de investimento e a falta de outros profissionais necessários, de equipamentos e materiais. O discurso me emocionou muito, e me fez entender que em cada palavra ali estava um pedido de socorro, que eles sozinhos não podem mudar tudo para melhor, que eles fazem tudo aquilo que está ao alcance deles e até mais, mas que eles precisavam da nossa ajuda. Não foi dito com essas palavras, mas todos nós saímos tocados e com esse pensamento. Já no CAPS II, a visita feita logo depois, nos mostrou dois tipos de profissionais, um que não demonstrava nenhum tipo de interesse de estarem ali trabalhando, que por sinal, fazia parte do conselho municipal de saúde, e outros que, ajudavam de todas as formas aquelas crianças, mas infelizmente ouvimos alguns discursos que nos deixaram extremamente tristes. Foi uma visita que despertou dois olhares. Na tarde, como não tivemos visita, nossa atividade foi no alojamento mesmo, com apresentação de documentários e com muitas discussões acerca da saúde mental e a atenção da saúde pública para a mesma, fazendo que nos refletíssemos e perceber que é uma área pouco assistida, mas que precisa urgentemente de mais atenção. Na noite de quarta tivemos um debate caloroso sobre o machismo, racismo, sobre identidade sexual e orientação sexual, feminismo e as questões de raça, um debate que foi muito enriquecedor, nós trazendo várias reflexões, sobre até nossas atitudes diárias.
Na quinta, dia 26 de fevereiro, tivemos a visita que, diga-se de passagem, mudou pra sempre a vida de cada um presente. Visitamos o MST (Movimento dos Trabalhadores Sem Terra ou Movimento Sem Terra), onde tivemos uma conversa com os moradores do Assentamento Rosinha do Prado, que nos deixou completamente inspirados com a organização, companheirismo e luta! Foi uma oportunidade maravilhosa de conhecer a historia do assentamento e também ouvir as famílias e as histórias delas. Almoçamos lá mesmo e de tarde fomo visitar as famílias. Tive a oportunidade de conhecer uma família jovem, que me fez refletir muito sobre o que seria realmente a saúde. Conheci um cadeirante que disse que tinha vontade de sair dali com a esposa e os filhos por conta de sua saúde, mas que permanecia por causa do seu pai que não queria se mudar de maneira alguma, conversando com o pai percebemos o amor que ele tinha por sua terra e a forma que estava bem ali, me fazendo refletir mais uma vez sobre o que é saúde, saúde não seria o bem estar físico e mental? Pois aquele senhor estava feliz onde ele estava e tanto importava os fatores ditos “essenciais” ditados por uma sociedade capitalista. Mas refletindo a pergunta feita a noite na roda de discussão, se eles eram saudáveis, ou melhor, se tinham saúde? Eu respondi no dia citando alguns exemplos que hoje não tomo mais como um, mas reformulei e pensei bem sobre o que eu disse, sobre as outras falas, e sobre o que venho estudando. Eles são sim saudáveis, mais do que a gente, mas a saúde não envolve só a felicidade, mas também o acesso a essa saúde faz parte do “o que é saúde” e infelizmente os relatos que tivemos, de serem negados em postos, de ficarem um ano ou mais para conseguir uma consulta ou um exame, esses fatores me fez entender que a saúde para está sendo negada, há uma grande parcela da sociedade que fecham os olhos para o que está acontecendo, e pior, acabam ainda por cima criticando de maneira alienada um movimento. Um transporte público também lhe és negado, então eles recorrem ao companheirismo a luta para que consiga se locomover para a cidade, entre outras coisas. Naquela noite tivemos um debate sobre determinantes e conceitos de saúde, reforçando tudo aquilo que estudamos e presenciamos na visita. Pode se dizer que foi a discussão mais quente e emocionante que tivemos, os relatos e principalmente os discursos demonstrando o quanto essa visita nos fez sentir o desejo por mudança.
Na sexta feira, ultimo dia de nossa viagem, dia 27 de fevereiro tivemos a visita ao Hospital Municipal de Teixeira, que, nos deixou extremamente tristes com tudo que vimos. Um hospital referência que não tinha um nutricionista, que faltava roupas para o médico poder realizar as cirurgias, que tinham o mínimo de conforto ou segurança para seus pacientes; uma superlotação com pacientes no corredor e extremamente sujo. Saímos muito tristes, não estávamos acreditando no que estávamos vendo. Logo depois dessa visita fomos visitar o SAMU, que me marcou muito, por conta de sonhar em trabalhar nesse local. Conheci uma das pessoas que eu tenho certeza que nunca mais vou esquecer na vida, o Enfermeiro Igor, que é muito apaixonado por aquilo que ele faz. Ele fez questão de nos mostrar todo o processo e todos os equipamentos da ambulância, seu discurso humanizado inspirou cada coração ali presente, no final, depois de ter segurado o choro por tantos dias, eu não consegui me conter e disse a ele toda a admiração que senti em tão pouco tempo. Na tarde tivemos a visita ao Conselho Municipal da Saúde, onde pudemos conversar com os seus integrantes, foi algo que pudemos mostrar tudo aquilo que vimos e perguntar sobre as providências que estão sendo tomadas para resolver, percebemos e ficamos muito tristes com a falta de informação sobre saúde daqueles que faziam parte do conselho. E então, voltando para o alojamento, tivemos o que podemos chamar de “noite do choro”, onde nós pudemos falar tudo o que aquela semana representou para nós, as nossas aprendizagem; falar sobre como nós pensávamos antes e como tudo mudou logo após essa semana, foi uma noite muito forte. E depois revelamos nossos Amigos Clandestinos e  tivemos a nossa Cultural.
Enfim, tenho certeza que será uma experiência para levar para o resto da minha vida, as pessoas que conheci, as conversas, os debates, as convivências, os abraços... Principalmente a ideia maravilhosa do Amigo Clandestino, que era sorteado uma pessoa, que ninguém poderia saber quem era, e você sempre deixasse naquela caixinha, recadinhos e/ou presentinhos simples, demonstrando o carinho uns com os outros e também cuidando daquela pessoa, tanto que nos apelidamos de “anjos”, então tínhamos sempre que nos certificarmos que aquela pessoa tinha comido, que estava bem, que estava dentro do ônibus e afins. Eu tive a sorte de tirar uma pessoa que sempre me inspirou muito e tive a oportunidade de deixar isso bem claro a ela. E dessa forma todos estavam sendo bem cuidados e mimados.
Todas as visitas e todas as atividades me acrescentaram de maneira absurda na minha formação, meu conhecimento e até a minha forma de pensar. Hoje eu sou mais completa, tenho certeza do que realmente quero fazer e que saúde é sim o caminho que sempre quis trilhar. E que apesar de tudo nós podemos sim mudar a nossa realidade porque assim como a nossa saúde publica foi criada, através da luta, nós também podemos melhora-la com esse mecanismo. Colocando sempre muito amor em tudo aquilo que estamos fazendo, não nos esquecendo nunca de que a nossa missão é cuidar e estar sempre disposto a prevenir, promover e a salvar a vida de outras pessoas, tratando-as sempre como humanos, porque é isso que nós somos. 

A SEVI MUDA VIDA
MUDOU A MINHA VIDA!



¹Frases do tipo "Paciente para mim não significa dinheiro, e sim cuidar da melhor maneira possível." "Em Cuba não existe hospital particular." "Cuba não tem criança na rua, não tem violência, e existem carências econômicas, o Brasil é rico!" "Calamos a boca dos fofoqueiros com o nosso trabalho." "Um dos problemas está na formação." e nos explicou como é o processo de contrato e etc. Enfim, frases como essa nos fazem refletir sobre nosso sistema e sobre nós mesmos. 

Espero que tenham gostado e desculpa a demora, esse relatório deu 6 páginas, imagina se eu fosse escrever tudo de novo aqui né não dá. E desculpa eu ter sumido assim, mas meus horários estão mais loucos do que nunca, para terem noção só tenho acesso a computador no final de semana, ou seja, pesquisar, trabalhos e etc. só podem serem feitos nesses dias. Adeus vida. 

ps: Não sei porque as letras ficam mudando de fonte e tamanho. 

xoxo,
Carol Magalhães. 
Continue Reading...

terça-feira, 27 de janeiro de 2015

9ª Bienal da UNE

Olá galera, tudo bem com vocês? Hoje eu vou falar sobre a 9ª Bienal na UNE (União Nacional dos Estudantes) que irá acontecer no Rio de Janeiro do dia 01 ao dia 06 de fevereiro de 2015. E sim, eu vou participar. 

Toda história sobre a União Nacional dos Estudantes você pode encontrar aqui mas para facilitar, vou falar um pouco. A UNE foi criada em 1937 e desde então ela vem a frente de grandes revoluções e fazendo com que exista cada vez mais a participação estudantil nas mais diversas discussões sobre o Brasil. Entre muita histórias e lutas ao decorrer dos anos, o que mais marcou a trajetória da UNE foi o golpe militar em 1964, quando a UNE teve sua sede incendiada. Mas a UNE não desistiu e prevaleceu mesmo com toda repressão. E está até hoje participando efetivamente da nossa política. 
Mas estamos aqui para falar da Bienal, então vamos lá. As inscrições são feitas nesse site, mas ela infelizmente já encerrou, mas quem estiver interessando ainda da tempo, pois você pode fazer sua inscrição no dia 01 de fevereiro, já no Rio de Janeiro por 120,00 reais. No site você encontra toda sua programação, fotos e vídeos de bienais anteriores. Vale a pena. Nesse link você encontra toda a história sobre a bienal e sua ligação com a cultura. 
A 9ª Bienal da UNE, tem o tema Vozes do Brasil, e ela vai discutir, arte, cultura, ciência e tecnologia e muito mais, e você pode encontrar todas as informações aqui. Você também poderia inscrever um projeto e apresenta-lo, esse é o espaço para você mostrar sua voz. 

Pontos importantes: 
- Sairá uma caravana daqui de Salvador no dia 30 de janeiro. Se estiver interessado, pode entrar em contato comigo que eu encaminho para os organizadores. 
Aqui tem toda sua programação.
- Todas as informações sobre a UNE você pode encontrar nesse site.
- Vejam as fotos.

ps: Eu sei que lotei vocês de links, mas assim é mais fácil fiquei com preguiça para vocês entenderem tudo, só basta clicar e ler cada parte. Participar de congressos e bienais é muito importante para nós universitários, debater, conhecer outras culturas, outros lugares e gente nova, com certeza será uma experiência inesquecível. 

Vinheta da 9ª Bienal da UNE



Continue Reading...

sexta-feira, 23 de janeiro de 2015

III SEVI - SUS

Olá galera! 

Embora o post anterior não tenha alcançado um grande número, o blog teve um número expressivo de visualizações de ontem para hoje, mais de 100! Então vou continuar postando hahaha.

Hoje eu vou falar sobre  III SEVI-SUS ( Semana de vivência interdisciplinar no SUS), que é organizado pelo FAS (Forúm Acadêmico de Saúde da UFBA). Foi uma seleção a qual eu participei no final do semestre de 2014.2 e que vai acontecer agora em fevereiro. 

"A SEVI-SUS é uma construção do Fórum Acadêmico de Saúde a fim de sensibilizar as(os) estudantes para a ideia de que o SUS (Sistema Único de Saúde) é uma grande conquista do povo, direito de todas(os) e nós precisamos nos forjar como agentes de transformação social e lutar pra que o SUS ideal e o SUS real caminhem sendo um so..."
Para mais informações acesse o site. 

Então, as inscrições foram de 18/11/2014 a 28/11/2014. Eu tive que responder a ficha de inscrição com meus dados e mais 6 perguntas, eu não sei se posso divulgar minhas respostas, mas a ficha e o edital ainda estão no site, nesse link. Deem uma olhada se for de interesse de vocês. 
Depois da primeira fase com 376 inscritos foram selecionados 125 pessoas para segunda fase, ocorrendo de 09 à 12/12 e foi uma entrevista. A entrevista era divida conforme os cursos, então eu concorri na segunda fase com 10 colegas do B.I. para 4 vagas. No final da entrevista foram selecionados 40 estudantes para formar a III SEVI-SUS.  
Sobre a entrevista: Meu coração estava quase pulando fora pela boca, e eu agradeço com todo amor as matérias obrigatórias do B.I. as quais trabalharam muito com o SUS, toda sua história, a humanização e tudo mais. Ajudou de uma forma inexplicável já que eu não tive tempo de me preparar para a entrevista por conta do fim do semestre. 
Dia 20 de fevereiro será a capacitação e irei saber para onde eu vou passar essa semana que ocorrerá dia 22 á 28/02/2015. 
É muito importante como estudante de saúde participar de todas as oportunidades que vão te tornar um profissional e um ser humano melhor, experiências são sempre bem vidas e eu tenho certeza que essa irá contribuir muito para meu conhecimento. Não há nada mais gratificante do que viver a universidade.
Se houver alguma dúvida podem me perguntar.

 O vídeo da primeira SEVI-SUS.

xoxo, 
Carol Magalhães.


Continue Reading...

quinta-feira, 22 de janeiro de 2015

Mais de 7000 visualizações!!

Olá galera, 

Recebi uma pergunta hoje no e-mail e acabei entrando no blog, fiquei surpresa com a quantidade de visualizações mesmo tendo mais de um ano que eu não posto por aqui. Incrível! Então... Decidi voltar. 

Vocês têm dúvidas sobre o que? Aconteceram tantas coisas nesse 2014. Mas para começar vou falar as matérias que eu escolhei e cursei nesses dois semestres. Foi um ano difícil, tendo o final do 2013.2, o 2014.1 e o 2014.2 então eu praticamente não tive férias e foi uma maratona de estudos, eis o motivo do meu sumiço. Pois então, no 2014.1 eu peguei uma matéria chamada Biologia aplicada a enfermagem, a qual eu tranquei, porque podem ter certeza, essa matéria era do satanás! Cursei também Teorias da Imagem, uma matéria de comunicação, que RECOMENDO! Ela fala sobre fotografia, o professor é incrível, eu amei. Eu peguei a Oficina de textos acadêmicos em saúde, uma matéria obrigatória no B.I., outra foi a Anatomia Humana aplicada a Enfermagem, foi bom, embora não tenha gostado do ensino da professora e no fim, Epidemiologia, os professores foram ótimos, a gente aprende muita coisa legal, gostei de verdade. Já no 2014.2 fiz a matéria chamada Ética e Educação, que foi o maior arrependimento dentro do B.I até hoje, a matéria em si é muito legal, os textos eram ótimos, mas as discussões e nem o professor eram bons, enfim, não recomendo pegar ela no dia de quinta-feira. Cuidados Paliativos e Tanatologia é uma matéria anual optativa de enfermagem, e... Recomendo! A matéria é maravilhosa, a professora melhor ainda, aprende muito e tive muitas experiências marcantes no decorrer do semestre. Saúde, Educação e Trabalho também foi uma matéria obrigatória do B.I., fiquei com um professor incrível, as discussões eram perfeitas, amei. Anatomia I,  por que eu peguei essa matéria novamente? Porque eu não achei que eu aprendi o suficiente na primeira vez que peguei, então dessa vez eu fiquei com uma professora maravilhosa, que da AQUELA aula, saí muito satisfeita. E por fim, Leitura de textos em língua inglesa, amei muito, uma matéria super tranquila, a professora maravilhosa, recomendo. Enfim, essas foram as matérias (ou disciplinas, como queiram) de 2014. Houveram muitas outras experiências. Como seleção do SEVI-SUS, festas, eleições e outras coisas que eu ainda vou vim aqui falar sobre. 

xoxo, 
Carol Magalhães. 

Continue Reading...

sexta-feira, 9 de maio de 2014

Tempo...



Olá galera, tudo bom?
Eu sei que eu disse que iria aparecer mais e que estava cheia de ideias, bom, a parte das ideias é verdade, mas sobre aparecer, eu juro que tentei, mas eu realmente estou ATOLADA de coisas para fazer. Eu nunca tive tantos seminários e provas ao mesmo tempo, to me vendo louca. Não vejo a hora de ter o recesso da copa e do São João para poder descansar. Minha rotina está bem pesada e cansativa, eu quase não fico em casa, minha mãe até está me chamando de turista. Pois é galerinha, isso se chama aluno Federal. 

Planos da vida pessoal: Eu iria para São Paulo no meio do ano, lá iria tentar fazer uma matérias sobre as faculdades que meus primos estudam, federal do ABC, Unesp e USP. Mas depois que recebi a bomba que o Arctic Monkeys, minha banda preferida, vem para o Brasil, vou adiar essa viagem para ir ao show, mas como estarei de volta a esse semestre louco da faculdade pós-greve, provavelmente não terei tempo para tais matérias. Mas, quem sabe?Bom. Estou muito muito já disse muito? FELIZ com essa notícia do show e tentando me virar nos 30 para arranjar um emprego nos finais de semana para quando lançarem o ingresso em agosto, eu poder comprar. Espero que dê tudo certo.

Desculpa mais uma vez.

xoxo, Carol Magalhães. 
Continue Reading...

quinta-feira, 17 de abril de 2014

Vida de Universitária...



Olá galera, tudo bem?? Minha vida está completamente maluca, peguei algumas matérias achando que seriam tranquilas e quebrei a cara, ou seja, estou atoladíssima de coisas para estudas e com uma preguiça enorme de fazer isso
Bom, sobre o 'Vida de Universitária" decidi que farei esse post falando das matérias, professores e tudo mais apenas 2 vezes no mês, porque nunca há coisas tão relevantes. Mas decidi que irei trazer com mais frequências a movimentação da faculdade em relação a projetos de Arte e Cultura que sempre acontece e tudo mais, deixar cada um de vocês bem informadinhos. 
E as dúvidas? Antes recebia e-mails, perguntas nos comentários, sugestões. Estou aqui galera, sumida, corrida, atolada, estressada mas sempre disposta a ajuda-los, faço isso com o maior prazer e vendo que mesmo sem fazer muitas postagens todos os dias sempre há alguma visita, isso me deixa muito feliz. 

 Instituto de Física Nuclear


 A entrada do Instituto (confesso que tenho um sonho imenso de entrar aí, rs) 

Por hoje é só galera, só para dar as caras mesmo. Vou fazer o máximo para aparecer mais.

xoxo, Carol Magalhães. 



Continue Reading...

domingo, 30 de março de 2014

Uma bomba de felicidade parte 2...


Olá galera, tudo bem com vocês? Não sei se lembram, mas eu fiz o ENEM ano passado, só por fazer, já que não estava estudando e tudo mais. Pois bem, saiu o SISU eu coloquei Medicina todos os dias em várias universidade, e vendo a nota de corte eu vi que não seria possível. Não lembro se comentei, mas minha nota ano passado foi exatamente a mesma do ano retrasado, até a redação, 840 novamente. E ainda dizem que raio não caem duas vezes no mesmo lugar. Pois bem, no ultimo dia eu coloquei Fisioterapia na UFBA porque era a única que a nota de corte chegava perto. Não passei na primeira chamada. Não passei na segunda chamada. Então coloquei meu nome na lista de espera. E o SISU disse que meu nome não seria considerada para lista de espera. E eis que acontece, foi considera e ainda na primeira lista. Ai eu te pergunto, você, lendo algo do tipo, iria ficar vendo as listas de chamada da lista de espera da UFBA? Não! 

Como vocês podem ver. 

Como eu descobri que tinha sido selecionada? Bom, um sábado eu entrei no meu SIAC para ver se gostaria de fazer mais algum ajuste de matricula, e.... Estava assim, meu CPF vinculado a dois cursos, achei hiper estranho e na terça feira eu fui no SGC (não sei exatamente o que significa a sigla, esqueci rs) na UFBA e me explicaram tudo e disseram que tinha perdido a vaga. Então conversei com mais alguns amigos veteranos e eles disseram que o que eu tinha em mãos eu poderia recorrer e conseguir a vaga tranquilo. 


E tinha gerado a matricula. 

Enfim, eu fiquei MUITO feliz com isso. Poxa, fisioterapia na UFBA? Ah, mais uma bomba de felicidade. Mas escolhi continuar no B.I., sou apaixonada por esse curso e outra, se fizesse Fisioterapia não poderia fazer aquilo que realmente quero, trabalhar na SAMU, fazer curativos, cuidar exatamente da maneira que desejo cuidar. Vou continuar com FOCO, força e fé rs e ir atrás do meu grande sonho que é MEDICINA. 

ps: Fiquei com vontade de compartilhar isso com vocês. 

xoxo, Carol Magalhães. 

Continue Reading...

quinta-feira, 27 de março de 2014

E como dizem: "Quem é vivo, sempre aparece."

Olá galera, tudo bem com vocês?

Eu sei, eu sei... Eu sumi. Mas, né? Estava de férias e eu aproveitei para tirar férias do mundo. Mas olha eu aqui de volta para mostrar muitas coisas a vocês e para tirar todas as dúvidas. 
Bom 2014.1, semestre novo, novos horários, amigos, rotina, novo tudo. 
Esse semestre ta bem pesado, peguei a obrigatória oficina de textos acadêmicos em saúde e as optativas em saúde,  biologia aplicada a enfermagem, anatomia aplicada a enfermagem e epidemiologia  e mais teorias da imagem de humanidades. Cinco matérias, com carga horária pesada e de muito peso. Quatro de saúde e uma de humanidades, do curso comunicação, que já amei desde a primeira aula, pois fala exclusivamente de fotografia e eu sou apaixonada. Sim, mesmo sendo apenas a segunda semana de aula, eu já estou lotada de textos e esse semestre vou pegar pesado nos estudos, então se eu sumir de novo não me matem.

Restaurante Universitário lotado na hora do almoço. Ele fica aberto das 11h às 14h e das 17h às 20h para janta. Custa 2,50 para alunos com comprovante de matricula e RG em mãos. 

Campus Ondina, a minha paixão. 

Campus Ondina

O vale refeição do R.U. 

Café da manhã de despedida da matéria Educação em Saúde


Minitrio, festa de carnaval da UFBA

Festa de Carnaval

Faculdade de Educação

PAC - Pavilhão de aulas do canela (onde se localiza também o cinema da UFBA, que por sinal, passa muito filme bom, produções nacionais e internacionais fantásticas)


FACOM - Faculdade de Comunicação, também em Ondina


Bom galera, esse foi só para matar a saudade e apresentar algumas fotos para vocês. 

xoxo, Carol Magalhães. 

Continue Reading...

sábado, 15 de fevereiro de 2014

FÉRIAAAASSSS!!!!


Depois de tanto tempo, depois de apenas e um Natal e Ano Novo respirando, e depois de trancos e barrancos  do final de semestre, eis que finalmente termina o 2013.2 e estamos oficialmente de férias. Feliz 2014 para a galera!!!!!! 

É pessoal, agora nosso calendário está certo, finalmente. Esse 2014 vão ter os dois se não tiver greve semestres certinho. 
Esse meu semestre foi mais tranquilo realmente, mas o final é sempre uma loucura, em qualquer curso. Mas estou feliz com minhas notas por enquanto, vamos ver como vai ser pela frente ai, o escore e tudo mais.



Sintam o drama da galera!!!

Mas por hoje só e fiquem ligados nos próximos dias, irei trazer mais fotos, vídeo e falarei sobre as festas. 

xoxo,  Carol Magalhães. 

Continue Reading...

quinta-feira, 6 de fevereiro de 2014

UM ANO DE BLOG!

Olá galera linda!!!!!

Dia 07/01/2014, é tem um tempo, o blog fez 1 ano e eu estou incrivelmente feliz com o resultado. Tenho mais de 5 mil visualizações e muitos leitores. Obrigada, obrigada, obrigada!!! 


Eu estou muito corrida nesse final de semestre, procurando restos de cabelos porque já arranquei todos! Mas assim que folgar eu venho aqui falar tudo direitinho com vocês de como foi o semestre, tenho mais fotos e novas ideias para 2014 para minha vida e para o blog, espero que vocês gostem. E também vou falar o que penso mais o segundo semestre, nossos feriados, copa e tudo mais. 

ps: Saudade de vocês. 

xoxo, Carol Magalhães.

Continue Reading...

quinta-feira, 16 de janeiro de 2014

Vida de universitária + fotos...


Olá galera, tudo bem com vocês? Eu estou muito sem tempo, então resolvi dar uma pausa nos meu estudos da madrugada para vim aqui fazer um post para vocês! Eu estou com saudade dos meus leitores, dos comentários, das perguntas e tudo mais. 

Bom, vocês já sabem as matérias as quais estou cursando, e realmente não tem nada de novidade sobre elas. São resumidas em textos, atividades em sala e fora da sala, discussão em sala, provas, seminários e blá blá blá. 

Então, vendo que muitas pessoas tem curiosidade de saber como é o campus da Universidade Federal da Bahia, eu tirei algumas fotos do Campus de Ondina para vocês. Mas tirarei sobre todos que puder e postarei aqui, aguardem! 

Esse é o famoso R.U. Restaurante Universitário, que tem apenas no campus de Ondina, onde tem almoço e janta por 2,50 com tudo e ainda suco e sobremesa, e é gostoso, eu janto lá todos os dias e nas segundas almoço. E o cardápio varia do almoço para o jantar. 


 Essa lá no fundo, é a Biblioteca da Ondina, existem outras pela UFBA também. 


Sou completamente apaixonada pela UFBA e esse campus em especial, porque ele é assim, aberto, com arvores, grande e talz, lindo! 



Esse e o Buzufba, ele roda entre os campus da ufba a cada 15 ou 20 minutos. Existem 4, e acreditem, eles salvam nossas vidas quando temos uma aula no canela logo quando acaba uma aula na ondina, rs. 





Essas duas fotos são da residência da UFBA no corredor da Vitória perto do Campo Grande. Ela é mista, ou seja, com homens e mulheres. 

Espero que tenham gostado. Voltarei com mais fotos em breve. E mandem suas dúvidas. 

ps: PARABÉNS AOS QUE PASSARAM NA UFBA!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!! Podem me procurar lá que eu vou adorar conhecer vocês. E podem mandar qualquer dúvida sobre matricula e tudo mais que eu estarei aqui. 

xoxo, Carol Magalhães. 
Continue Reading...

terça-feira, 7 de janeiro de 2014

Perdão...


Olá galera, tudo bem com vocês?

Vim aqui com vergonha, mas dando a minha cara a tapa para pedir perdão para vocês. Desculpa eu ter sumido desse jeito, tudo ficou incrivelmente corrido na minha vida e eu fiquei sem condições de vim postar. Nada de muito interessante aconteceu na faculdade para poder falar aqui para vocês, mas tenho projetos para 2014. Espero que gostem. 

Farei uma postagem fazendo um resumo sobre tudo que aconteceu nesse tempo que eu sumi.

xoxo, Carol Magalhães.  
Continue Reading...

quinta-feira, 7 de novembro de 2013

PROJETO SORRISO AMIGO

Olá galera, tudo bem com vocês? Antes de tudo eu venho aqui pedir DESCULPAS por ter sumido desse jeito do blog. Comecei a trabalhar de novo, meio turno, em um emprego mais tranquilo onde da para eu estudar, eu estava precisando. Enfim, aguardem, que estou preparando algumas coisas legais sobre a faculdade para vocês. 

Bom, vocês já sabem pelas matérias que eu peguei, e pelo porque eu estou seguindo a área da saúde, que eu gosto muito de fazer o bem. Faço trabalhos sociais a anos e dessa vez eu decidi fazer uma coisa mais elaborada e grande. Então eu criei o Projeto Sorriso Amigo junto com um super amigo chamado David Moura. Esse projeto irá fazer trabalhos sociais nos mais diversos âmbitos, iremos a hospitais, creches, abrigos (de pessoas e animais), trabalharemos com pessoas portadoras de deficiência e moradores de rua. E muitas outras coisas, o projeto visa PRINCIPALMENTE levar o SORRISO, a arte de RIR e ser FELIZ. Mas pensamos também em atividades educativas e tudo mais. 

A página no facebook é /psorrisoamigo  entrem e confiram. Lá vai estar todas as informações necessárias para participar. 
O projeto e a página estão em construção ainda, mas com expectativas enormes. 

Esperam que tenham gostado e participem, ahhh e DIVULGUEM. Quanto mais melhor.

ps: Se quiserem mais informações é só perguntar.


xoxo, Carol Magalhães. 



Continue Reading...

quarta-feira, 23 de outubro de 2013

ENEM!!!


Olá galera, tudo bem com vocês? E essa tensão toda por causa do ENEM? haha. Pois é, está chegando, e aí, se sente preparado? Já sabe o que fazer nesses últimos dias? Vou dar algumas dicas básicas para vocês, e espero que vocês as sigam. Eu pensei agora que poderia ter dado dicas de estudo para o Enem, mas a ideia veio tarde demais, fail.

Então vamos lá:

1) Beba muita água, mais de 2 litros por dia. Isso não só para a preparação para o ENEM e sim para todas as coisas da sua vida, é muito importante beber água. Então faça isso todos os dias para preparar os ânimos. 

2) NÃO ESTUDE. Acabou gente, o que estudou, estudou! Não tem porque se desesperar, você não vai aprender tudo em uma semana, então, tente ficar tranquilo e ir com determinação naquilo que você estudou até alí. 

3) Durma bem. Oito horas de sono, não preciso nem entrar em detalhes pois vocês já estão cansados de saber. Dormir bem aumenta sua capacidade de raciocínio, além de te deixar mais ativo e descasado. A mente também precisa relaxar, que tal sentar um pouco, fechar os olhos e tentar sentir o vento no rosto, sentir o cheiro das plantas, tirar sua cabeça um pouco da correria e tentar pensar em nada? 

4) Se alimente bem. Alimentos leves, muitas frutas e legumes é essencial. Ter tudo funcionando direitinho é ótimo no dia da prova, e não estar doente também. Então, prestem atenção nisso.

5) RELAXE. Ouça músicas que te fazem bem, bata papo com os amigos, vá a praia. Tire esse tempo para relaxar, sair da tensão que estava em todos esses meses que antecederam o ENEM. 

6) RESPIRE. Mantenha a calma, respire fundo, assim estará ativando seu cérebro e mandando oxigênio para todo seu corpo. 

7) No dia da prova: Leve frutas, tipo uma banana (nunca esqueci do meu professor de Geografia dando essa dica) barra de cereal, um docinho também pode! Uma super dica, leve sua garrafinha de água com a água congelada, porque ela ficará geladinha o dia todo!! 
Quando acordar: Tome banho, coloque roupas leves, faça um alongamento e massageie-se.  Tome café reforçado (isso depende da hora que acorda) e almoce uma comida leve, mas que você sabe que vai te sustentar. Trinta minutos antes da prova, volte a se alongar e massagear. 
Na prova: Vá ao banheiro quando der vontade, e se não der vontade nenhuma vez, levante pelo menos uma vez e ande um pouco, a circulação agradece e sua capacidade de raciocínio também. Tome água sempre que achar necessário. 


Enfim galera, dicas básicas e fáceis de seguir. Qualquer dúvida, vocês já sabem. E-mail ou por aqui mesmo. 


xoxo, Carol Magalhães.




Continue Reading...

terça-feira, 22 de outubro de 2013

Vida de Universitária...


Olá galera, tudo bem com vocês? Queria, primeiramente, pedir desculpas por estar postando tão pouco aqui, começou a correria e sabe como é... Pois bem, minha rotina de segunda feira tensa chegou, ontem eu saí da minha cidade 5:40 da manhã e só cheguei em casa 23:30... Mas, valeu a pena, eu AMEI a matéria Educação em Saúde, é como se fosse um complemento da Introdução ao Campo da Saúde, matéria obrigatória do B.I., realmente muito interessante, trabalhosa, mas muito legal, a galera também super gente boa, e a professora então... Ahh, amei! E amei mais uma coisa, a matéria nunca acaba 15h como está na grade e sim umas 12h, ou seja, poderei voltar para minha cidade 12:40 com o roteiro e pegar ele de volta 17h, será bem melhor do que passar o dia todo na faculdade, né? Ou seja, esse semestre será mais tranquilo para mim. 

Ahh, vocês sumiram um pouco também, né? Nunca mais recebi e-mail perguntando alguma coisa ou com alguma sugestão, volteeeeem meus leitores, estou sentindo falta de vocês... 

xoxo, Carol Magalhães. 
Continue Reading...

quarta-feira, 16 de outubro de 2013

Vida de Universitária...


Olá galera, tudo bem? Dei uma sumida aqui porque ainda estou no período de organização de horários. Estão me perguntando como minha grade ficou... Bem, está uma grande loucura, porque houve as matriculas web, reajuste web e tudo mais, então eu coloquei, eu tirei, e enfim, estou esperando a presencial para poder ver qual matéria eu coloco mais. 
Por enquanto ela está assim: 


Faço a mínima de como seja essas aulas teóricas e práticas sobre Educação em Saúde, mas estou dentro, pulei de cabeça e vamos lá! hahahah

Já as outras matérias, as professoras até agora são maravilhosas, a única que não conheci pessoalmente é a de LET E45 porque ainda estamos sem sala ê ufba, mas pelos e-mails que ela já enviou parece ser bem simpática. 

Quanto tiver tudo pronto, organizado e definido eu venho aqui e posto tudo. 


xoxo, Carol Magalhães. 
Continue Reading...
Tecnologia do Blogger.
 

Meu Diário de Faculdade Copyright © 2009 Girlymagz is Designed by Bie Girl Vector by Ipietoon